.-~*'¨¯¨'*·~-.¸-(_ ( Contos Eróticos ) _)-,.-~*'¨¯¨'*·~-.¸,No banheiro do bar, contos eroticos de sexo no bar, Vídeos amadores de sexo no banheiro, Casal fazendo sexo no banheiro do bar, Vídeo de Sexo no banheiro público, flagras de sexo no banheiro, Vou relatar aqui o que aconteceu comigo a 1 ano atrás , sou morena, 1,62, 54 kilos, seios médios durinhos, e xoxotinha peludinha em cima e rapadinha em baixo, e cabelos pretos longos, Era uma sexta feira a noite umas 8:30 estava num barzinho, sozinha e pedi uma cerveja, Pois queria ficar sozinha refletindo sobre minha vida, Estava com um vestido florido e decote bem decotado que mostrava meus seios, a altura do vestido ia até um palmo acima do joelho, Fui tomando cerveja e ficando mais a vontade, na mesa ao lado um carinha já trocava olhares comigo, olhos verdes claro, moreno claro, alto, muito bonito por sinal,E percebia seu olhar para mim, E como eu estava bebendo , foi me dando uma coisa, sei lá talvez vontade de me mostrar, Eu estava com uma calcinha branca transparente na frente...onde estava para ver bem meus pentelhos a frente da minha xaninha.Então fiquei mais ou menos de pernas abertas...para que ele pudesse olhar minha xaninha e ficar com mais vontade de me possuir era o que passava nos meus pensamentos, E a troca de olhar continuava e eu me fingindo de tímida, mas percebia seu olhar para mim e para minhas pernas,Depois de uns 20 minutos bebendo fui ao banheiro, Sem perceber ao fechar a porta ele me empurrou para dentro e trancou a porta, Sem dar tempo de eu falar nada ele me deu um longo beijo forçado e molhado, Suas mão apertava minha cintura ao mesmo tempo que levantava meu vestido e acariciava minha bundinha, Naquele momento fiquei sem defesa apesar de estar meia bêbada e mole por causa de cerveja, Deixei me levar por aqui tudo que estava acontecendo, estava me dando tesão transar com um desconhecido, mas muito gato, Então ele foi chupando minha língua sua mão subia acariciava meus seios, Ele foi descendo chupando meu pescoço....passando a língua na minha orelha me deixando louca, Então deixei que a alça do meu vestido caísse, deixando a mostra meus peitinhos, já com os biquinhos durinhos de tanto tesão então ele logo abocanhou e começou a suga-los com vontade, Mamava deliciosamente nos meus peitinhos chupava , lambia meus seios em volta com aquela língua dura molhada, E sugava o outro enquanto sua mão alisava minha bunda, Então ele pediu para que eu sentasse abaixou a tampa...sentei e abri minha pernas, Deixando a mostra minha bocetinha, para que ele se deliciasse,Então ele se ajoelhou e começou a suga lá com muita vontade, E eu sem poder gemer alto, pois alguém do bar poderia desconfiar que estivesse lá no banheiro transando, Então ele mamou nela , sentia aquele língua quente ,me sugando toda, ele lambia a laterais das minhas coxas hora lambia o grelinho outra passava a lamber a outra coxas, Eu estava louca de tesão já muito molhada, então apertei sua cabeça contra ela, e ele começou a mamar no meu grelinho , e foi mamando mamando até que não agüentei, Falei que ia gozar aiiiiiiii e gozei na boca dele com ele sugando meu grelinho, E para minha surpresa ele desceu a língua na entradinha e lambei todo meu melzinho, deixando minha xaninha sequinha novamente, Então me sentei na privada do banheiro e ele abriu sua calça e tirou teu pau enorme para fora nunca tinha visto um cacete grosso e cheio de aveias, E colocou na minha frente para que eu chupasse, E não me fiz de rogada...abri minha boquinha e abocanhei aquele cacete duro, E comecei a mamar ele segurava na minha cabeça, E minha boca fazia vai e vem no pau dele, sugando deliciosamente aquele cacete duro,E fiquei mamando por uns 10 minutos ouvindo os gemidos baixo dele, Tinha horas que ele segurava o cacete e falava para mim mamar o saco, E eu simplesmente bêbada o obedecia mamava hora numa bola ora na outra, Depois subia lambendo o cacete dele por fora e novamente abocanhava aquele mastro duro, E mamava muito até ele pedir que parasse, Mandou me levantar e ficar de costas e arrebitar a bundinha, Então levantou meu vestido a altura da cintura e foi enterrando seu cacete na minha xaninha novamente já molhada, E foi colocando tudo e dando fortes estocadas, Meu corpo todo se arrepiada enquanto ele bambava cada vez mais na minha xaninha, E enquanto mais eu empinava a bunda , mais ele dava aquelas bombadas fortes enquanto com suas mão forte segurava meus seios firmes, E foi metendo, metendo até que sentia um jato forte me invadir, Ele estava deixando minha bocetinha toda melada de porra quente,Então deu um beijo rápido e falou que ia sair na frente para não dar na cara, E eu me limpei e arrumei meu vestido, e sai do bar e continuei na mesa tomando minha cerveja e ele voltou a conversar com os amigos.


Fotos e Vídeos de relatos reais verídicos 2008e 2009. Sexo, Contos eroticos de sacanagem atualizados todos os dias com muito sexo, amadoras, anal.











Vou relatar aqui o que aconteceu comigo a 1 ano atrás , sou morena, 1,62, 54 kilos, seios médios durinhos, e xoxotinha peludinha em cima e rapadinha em baixo, e cabelos pretos longos.
Era uma sexta feira a noite...umas 8:30 estava num barzinho, sozinha e pedi uma cerveja.
Pois queria ficar sozinha refletindo sobre minha vida.
Estava com um vestido florido e decote bem decotado que mostrava meus seios.
a altura do vestido ia até um palmo acima do joelho.
Fui tomando cerveja e ficando mais a vontade, na mesa ao lado um carinha já trocava olhares comigo, olhos verdes claro, moreno claro, alto, muito bonito por sinal.
E percebia seu olhar para mim.
E como eu estava bebendo , foi me dando uma coisa, sei lá talvez vontade de me mostrar.
Eu estava com uma calcinha branca transparente na frente...onde estava para ver bem meus pentelhos...a frente da minha xaninha.
Então fiquei mais ou menos de pernas abertas...para que ele pudesse olhar minha xaninha e ficar com mais vontade de me possuir...era o que passava nos meus pensamentos.
E a troca de olhar continuava e eu me fingindo de tímida, mas percebia seu olhar para mim...e para minhas pernas.
Depois de uns 20 minutos bebendo...fui ao banheiro.
Sem perceber....ao fechar a porta...ele me empurrou para dentro e trancou a porta.
Sem dar tempo de eu falar nada ele me deu um longo beijo forçado e molhado. Suas mão apertava minha cintura ao mesmo tempo que levantava meu vestido e acariciava minha bundinha.
Naquele momento fiquei sem defesa apesar de estar meia bêbada e mole por causa de cerveja.
Deixei me levar por aqui tudo que estava acontecendo, estava me dando tesão transar com um desconhecido, mas muito gato.
Então ele foi chupando minha língua sua mão subia acariciava meus seios.
Ele foi descendo chupando meu pescoço....passando a língua na minha orelha me deixando louca.

Então deixei que a alça do meu vestido caísse, deixando a mostra meus peitinhos, já com os biquinhos durinhos de tanto tesão....então ele logo abocanhou....e começou a suga-los com vontade.
Mamava deliciosamente nos meus peitinhos chupava , lambia meus seios em volta com aquela língua dura molhada.
Então ele pediu para que eu sentasse abaixou a tampa...sentei e abri minha pernas.
Deixando a mostra minha bocetinha, para que ele se deliciasse.
Então ele se ajoelhou e começou a suga –lá com muita vontade.
E eu sem poder gemer alto, pois alguém do bar poderia desconfiar que estivesse lá no banheiro transando.
Então ele mamou nela , sentia aquele língua quente ,me sugando toda, ele lambia a laterais das minhas coxas hora lambia o grelinho outra passava a lamber a outra coxas.
Eu estava louca de tesão já muito molhada, então apertei sua cabeça contra ela, e ele começou a mamar no meu grelinho , e foi mamando mamando até que não agüentei.
Falei que ia gozar.....aiiiiiiii e gozei na boca dele com ele sugando meu grelinho.
E para minha surpresa ele desceu a língua na entradinha e lambei todo meu melzinho...deixando minha xaninha sequinha novamente.
Então me sentei na privada do banheiro e ele abriu sua calça....e tirou teu pau enorme para fora...nunca tinha visto um cacete grosso e cheio de aveias.
E colocou na minha frente para que eu chupasse.
E não me fiz de rogada...abri minha boquinha e abocanhei aquele cacete duro.
E comecei a mamar....ele segurava na minha cabeça.
E minha boca fazia vai e vem no pau dele, sugando deliciosamente aquele cacete duro.
E fiquei mamando por uns 10 minutos ouvindo os gemidos baixo dele.
Tinha horas que ele segurava o cacete e falava para mim mamar o saco.
E eu simplesmente bêbada o obedecia.....mamava hora numa bola ora na outra.
Depois subia lambendo o cacete dele por fora...e novamente abocanhava ....aquele mastro duro.
E mamava muito até ele pedir que parasse.
Mandou me levantar...e ficar de costas e arrebitar a bundinha.
Então levantou meu vestido a altura da cintura e foi enterrando seu cacete na minha xaninha novamente já molhada.
E foi colocando tudo e dando fortes estocadas.
Meu corpo todo se arrepiada enquanto ele bambava cada vez mais na minha xaninha.
E enquanto mais eu empinava a bunda , mais ele dava aquelas bombadas fortes enquanto com suas mão forte segurava meus seios firmes.
E foi metendo, metendo até que sentia um jato forte me invadir.
Ele estava deixando minha bocetinha toda melada de porra quente.
Então deu um beijo rápido e falou que ia sair na frente para não dar na cara.
E eu me limpei e arrumei meu vestido, e sai do bar e continuei na mesa tomando minha cerveja e ele voltou a conversar com os amigos.


Cadastre-se agora no maior site de namoro, romance, casamento e amigos do mundo !!!
Clique aqui e encontre a sua cara-metade... Cadastro TOTALMENTE GRATUITO !!!








eXTReMe Tracker